quinta-feira, 25 de maio de 2017

Campinas começa implantação do primeiro canteiro de obras do BRT

24/05/2017 - G1 Campinas e região

Os três corredores - Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral - terão custo total de R$ 451,5 milhões.

Campinas (SP) iniciou a implantação do primeiro canteiro de obras dos corredores do sistema BRT (Bus Rapid Transit, na sigla em inglês).

Na terça-feira (23), a equipe técnica da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) e representantes do Consórcio Corredor BRT Campinas, responsável pelo Lote 1 da obra, definiram os detalhes para o início da formação do canteiro, que ficará localizado na confluência dos bairros Bonfim e Botafogo, na área do antigo leito desativado do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).
Já o início das obras está previsto para agosto, de acordo com a Prefeitura.

O Lote 1 compreende o trecho do Corredor Campo Grande, que é a ligação entre a região central até a Vila Aurocan, com extensão de 4,3 km; além do corredor perimetral, com 4,1 km.
Custo

Os três corredores BRT do município - Campo Grande, Ouro Verde e Perimetral - terão custo total de R$ 451,5 milhões, referentes à elaboração dos projetos executivos e realização das obras.

Deste montante, R$ 92 milhões são do Orçamento Geral da União (OGU) e R$ 197 milhões financiados pela Caixa. Cabe ao município o aporte de R$ 162,5 milhões.

Na semana passada, o prefeito Jonas Donizette (PSB) assinou contrato de financiamento com a Caixa Econômica Federal, que assegura ao município R$ 100 milhões. Serão 36,6 km de corredores, com tempo total de obras de três anos.

BRT

A elaboração dos projetos executivos e realização das obras dos três corredores BRT foram divididas em quatro lotes. Segundo a Prefeitura, o projeto irá beneficiar 450 mil pessoas que moram nos distritos do Campo Grande e Ouro Verde.

De acordo com a administração municipal, o sistema terá estações de transferência, veículos articulados ou biarticulados, corredores exclusivos com espaços para ultrapassagens, embarque e desembarque pela esquerda, embarque em nível e pagamento desembarcado.

No Ouro Verde serão 14,6 km de extensão, saindo da região central, seguindo pela João Jorge, Amoreiras, Ruy Rodriguez, Camucim até o Terminal Vida Nova.

Nenhum comentário:

Postar um comentário